Início

Dissemine
A ASBAMA OFERECE À SOCIEDADE BAIANA UMA CÂMARA DE MEDIAÇÃO E ARBITRAGEM CAPACITADA PARA AUXILIAR NA SOLUÇÃO DOS CONFLITOS, DE FORMA RÁPIDA, ECONÔMICA, EFICAZ, REGULAMENTADA PELAS LEIS 13.140/15(Lei de Mediação), Lei 9.307/96, 13.129/15 ( Leis de arbitragem) e o novo CPC Lei 13.105/15.
Atuamos nas áreas de direito empresarial, civil, societário, trânsito, administrativo, familiar(que possam ser transacionados).

 

CURSOS ASBAMA

 NOVAS TURMAS – INÍCIO EM AGOSTO / 2016

MATRÍCULAS ABERTAS

CARTAZ-CURSO-ASBAMA-CRA-BA-1 Edital N°002/2016 Clique Aqui


Condomínios.

Atualmente, a grande maioria dos litígios em condomínios é resolvida na Justiça comum. Essa saída, porém, não é rápida. Como uma alternativa para a resolução de conflitos, há outros caminhos a serem tomados, como a mediação ou a arbitragem.
Diante dessas opções, os interessados se vêem diante de um caminho mais curto para a resolução de seus conflitos dentro do condomínio.
De latidos excessivos de cachorros à inadimplência, passando por infiltrações entre os apartamentos, mediação e arbitragem são métodos alternativos à Justiça comum para a resolução dos problemas.
Para facilitar o entendimento do assunto, é possível convidar a ASBAMA  a dar uma palestra no condomínio.

Com esse tipo de interação, os moradores podem tirar suas dúvidas e observam, mais de perto, como é possível solucionar conflitos de uma forma diferente. Também entender como o procedimento funciona, quanto tempo demora e quanto custa.
Dessa forma fica mais fácil incluir na convenção do condomínio a arbitragem como forma alternativa de resolução de conflitos. Para a mediação, não há necessidade da formalidade.
A melhor ferramenta é o diálogo, a autonomia das partes para solucionarem seus próprios conflitos!

 

Mediação e Arbitragem no direito de Família.

A importância de utilizar a arbitragem nos assuntos de partilha de bens, divórcio, dissolução de união estável, nas relações homoafetivas, pois tamanha é a credibilidade, celeridade, eficácia do presente. Através dessa ferramenta bem como da mediação, permite-se aos interessados obter com maior eficácia e satisfação, preservação dos sentimentos, principalmente quando envolvidos filhos, pois acabam trazendo aos mesmos, frustrações quando vêem seus pais em campo de guerra, além do menor custo.
A solução dos conflitos sem ter que se utilizar da jurisdição, do poder judiciário que devido à demanda voluptuosa, é moroso para alcançar os objetivos desejados na lide, a demora tamanha faz com que as pessoas desistam de buscar pelos seus próprios direitos por ficarem a mercê de uma sentença judicial, a qual muitas das vezes só satisfaz a uma das partes, enquanto nos meios extrajudiciais nas solução dos conflitos não existe ganhador e perdedor, todos saem satisfeitos e com suas relações continuadas, pois permitem às partes serem autoras da solução dos seus próprios conflitos, busca-se através do diálogo, da autonomia das partes, a possibilidade do pensar no outro, no abrir mão de algo para satisfazer a todos, e dessa maneira a balança da justiça manter-se em equilíbrio, sem pender somente para um lado, desnivelado os interesses das partes.
Percebe-se que a vantagem em relação ao processo judicial é expressiva, ou melhor, extraordinária quando se busca os meios alternativos para solucinar conflitos.

 

MEDIAÇÃO E ARBITRAGEM NO SETOR IMOBILIÁRIO.

No setor imobiliário vários são  os conflitos existentes como nos contratos de compra e venda, contratos de aluguéis, Logo após estabelecida a relação surgem os conflitos de vizinhança dentro dos condomínios.

A mediação e Arbitragem são meios extrajudiciais de solução de conflitos que ajudam a administrá-los de forma mais célere, eficaz, sigilosa, econômica, facilitando assim, para que os corretores tenham maior habilidade do seu tempo. Faz-se mister primar, que os corretores  pratiquem nos contratos de compra e  venda e de aluguéis de imóveis as cláusulas arbitrais, para viabilizar a melhor forma de solucionar futuros conflitos.

 

A ASBAMA PODE ORIENTÁ-LOS COMO FAZER OS CONTRATOS. AGENDE UMA CONSULTORIA.

 

OS INADIMPLENTES.ilustra_imoveis_310814

Um lojista passava por dificuldades financeiras, após o falecimento de seu sócio. Era ele quem cuidava das finanças da loja de móveis, que tocavam juntos há mais de 30 anos.
Ao descobrir que a sua carteira de clientes estava um caos. Desde a morte do sócio ninguém tomou conta desse setor da loja. Haviam mais prestações vencidas do que a receber de seus clientes. Triste e preocupado, procurou o seu advogado a fim de tomar as providências para ajuizar ações de cobranças. Seriam quase 150.
O advogado, atualizado, e eficaz para atender e resolver o problema de seu cliente, o aconselhou a procurar uma Câmara de Mediação e de Arbitragem a fim de realizarem alguns dias de esforço conjunto na tentativa de obter o maior e rápido recebimento possível, podendo realizar uma campanha na rádio e num jornal de maior circulação na região. À Câmara, caberia enviar as correspondências aos inadimplentes, tudo a fim de divulgarem as datas, nas quais a Câmara atuaria com exclusividade, em forma de mutirão, a fim de resolver o maior número de casos possíveI.
O lojista ao final deu-se por satisfeito, pois resolveu grande parte de seus problemas, com menores custos, desgastes, além de preservar seus antigos clientes. Se tivesse oferecido as quase 150 ações no Judiciário, teria que ir a estas 150 audiências, em dias diferentes, não se sabe quantas audiências a mais seriam necessárias para cada caso, além de demorar anos. Na câmara , em dois dias, tudo foi resolvido.
Isso é o que uma Câmara de solução de conflitos da ASBAMA pode fazer pelas pessoas. Ajudar a resolver seus problemas sem o desgaste de um processo judicial.